quarta-feira, 18 de abril de 2012

Tem uma frase de "O vendedor de sonhos" que me fez lembrar de uma coisa que eu "sempre" pensei, a frase é a seguinte: "Se andarmos pelos caminhos que outros já percorreram, chegaremos no máximo aos lugares que eles já atingiram."
O que eu sempre fico imaginando é que nós, desde o primário, estudamos a história do Brasil, não estou falando só daquela história (bem estranha) do descobrimento, mas de todos os grandes feitos (vocês entenderam o que eu quis dizer com "grandes feitos", né?) que mudaram de alguma forma a situação do país. Calma, estou quase chegando onde eu quero. Então, não sei se eu sou a única pessoa que já parou pra pensar nisso, creio que não, mas se nós analisarmos os fatos, muitos erros que estão ocorrendo no país atualmente, não estariam ocorrendo se as pessoas REALMENTE se preocupassem em analisar o que aconteceu quando certa pessoa fez uma determinada ação alguns anos atrás. Uma das formas mais tradicionais de não cometer certo erro é analisar os erros passados, pode ser que entre o erro passado e o quase atual exista apenas uma linha tênue e que, por falta de atenção, pode voltar a ocorrer.
Então pensem MUITO nisso... "Se andarmos pelos caminhos que outros já percorreram, chegaremos no máximo aos lugares que eles já atingiram."

Se for pra gente fazer isso, que seja no mínimo seguindo os caminhos que levarão a alguma coisa boa.

Um comentário:

Laaiah disse...

Acho muito interessante esse seu post, Ju. A maioria das pessoas acreditam ser tão inútil estudar a história do mundo, do nosso país, da nossa cidade e até mesmo a história da nossa família... mas não é verdade! Como você mesma citou, nós vivemos em função de ciclos, infelizmente. Esquecemos de olhar para o passado e, assim, percorremos os mesmos caminhos tortuosos e destrutivos. A partir do momento o qual eu comecei a analisar a história da minha família (olha que eu nem estou indo tão longe no exemplo) consegui decidir quais caminhos tomar e principalmente, O QUE me definiria e QUEM eu seria. Parabéns pelo maravilhoso texto jubsclaine! Seus pensamentos sempre me inspiram *-*